Artigos com a Tag

Tatuagem na Mídia

Jornal ofende e vulgariza mulheres tatuadas

Agora no fim da tarde fui chamado pela @Caroldedodemoca no Gtalk que me alertou sobre um texto em um blog no qual se referia a um estudo publicado em um jornal de Alagoas.

A matéria do Jornal afirma que de acordo com um suposto estudo de comportamento, as mulheres com tatuagem gostam mais de sexo e ainda acrescenta que o tipo de tatuagem define as preferencias sexuais de cada mulher, incluindo tendências ao lesbianismo e participação de sexo grupal.

Segue o texto abaixo:

Um recente estudo realizado nas principais capitais brasileiras analisou o comportamento sexual das mulheres, levando em consideração o tipo de tatuagem que elas têm.

O pesquisador E. Mendes entrevistou mulheres em todo o Brasil e chegou a algumas conclusões: “Primeiramente, foi possível constatar que as mulheres tatuadas gostam mais e praticam mais sexo do que as mulheres sem tatuagem”, afirma Mendes.

“Parece que o prazer em sentir dor, de alguma forma está ligado à excitação sexual feminina”, afirma ele, ressaltando que 73% das entrevistadas que disseram gostar muito de sexo eram tatuadas, e quase metade das mulheres sem tatuagem que adoram sexo, tem intenção em fazer uma tatuagem.

A pesquisa serviu também para traçar o perfil sexual das mulheres de acordo com o tipo de tatuagem que elas têm.

– 82% das mulheres com tatuagem de estrela disseram preferir sexo selvagem;

– 42% das mulheres uma fada tatuada no corpo preferem sexo oral;

– 96% das mulheres que tem tatuada a frase Carpe Diem são adeptas do sexo no primeiro encontro;

– 55% das mulheres com tatuagens tribais têm tendencia ao lesbianismo;

– 42% das mulheres com uma tatuagem de borboleta já participaram de alguma orgia ou sexo grupal.

Leia Mais