Os mais polêmicos casos de tatuagens em animais domésticos

Fevereiro foi um mês de loucura no Brasil mas o mundo também tremeu de raiva com o caso de um artista russo que decidiu tatuar seu gato da raça Sphynx, uma raça de felinos que não tem pêlos no corpo. Quando li sobre o assunto a primeira coisa em que pensei foi “De novo? Esses russos não tem limites” e lembrei dos inúmeros casos de tatuagens em animais domésticos que já vi.

Sim, em todos estes anos com o Tinta na Pele já é a terceira vez que leio sobre esta prática de tatuar gatos Sphynx na Rússia. Os donos vêem aquela pele lisa e com alguma vodka por perto tem a ideia nada genial de maltratar o pobre bichano. É fato, TATUAGEM TEM QUE SER SEMPRE CONSENSUAL, isso significa que quem se tatua tem que concordar com a tatuagem, saber o que está fazendo conscientemente. Crianças, animais e pessoas desmaiadas não concordam com tatuagens ou piercings – motivo pelo qual não concordo com colocar brincos em bebês.

A vida se trata de liberdade de escolha, para tudo temos que ter o direito de decidir fazer ou não e principalmente quando se trata do nosso corpo e de algo que ficará para sempre lá. Por que com os animais isso deveria ser diferente? Gatos e cachorros pedem comida, carinho, atenção, brinquedos e pedem para ir ao banheiro, mas nunca vi nenhum pedir uma tatuagem, pedir para levar milhares de agulhadas com tinta em sua pele.

Aceitemos e sejamos francos: Tatuagem dói e enquanto cães e gatos não souberem falar, vamos deixar isso apenas para os humanos adultos.

Este é o caso mais recente de alguém que tatuou um gato Sphynx

Um russo achou que seria legal tatuar seu Gato Sphynx com algumas tatuagens comuns entre gangsters e criminosos russos. Ele anestesiou o gato para isso e não foi a primeira vez que tatuou o animal.

Aleksandr disse:

” Claro que sinto pena de lhe fazer isso. Não é como se ele mesmo quisesse fazer isso. Ele tem uma pele diferente, então tatuagens são aplicadas de forma diferente.

“Espero que não seja muito ruim para ele, não é a sua primeira tatuagem. Normalmente ele se sente bem e se recupera da anestesia muito rápido. “

Em 2012 um russo tatuou “Carpe Deem” no peito do seu gato

 

 

Sim, os russos tem essas manias estranhas. Além de tudo a frase estava errada, não basta tatuar o gato e causar dor a ele, ele ainda quis envergonhar o pobre animal.

No Caso de 2009, na RÚSSIA DE NOVO, mais um maluco achou legal tatuar o peito do seu gato enquanto ele estava anestesiado.image

Creio que ainda existem outros casos não tão divulgados de gatos tatuados na Rússia, mas há também pessoas capazes de tatuar o melhor amigo do Homem, pessoas que tatuam seus cachorros por algum problema mental. As tatuagens em animais domésticos vão cada vez mais longe.

Até no Brasil alguém já tatuou um animal doméstico

O caso ocorreu em Poços de Caldas em 2016 quando o tatuador, identificado como Emerson Damasceno, tatuou o focinho, as orelhas e os olhos do seu Bull Terrier. Ao se explicar, ele disse que acreditava que as tatuagens poderiam proteger o animal do Câncer.

Claro…como não pensei nisso antes?

Não basta tatuar seu cachorro depois de uma cirurgia, você tem que dizer na internet que ele é mais legal que os outros cães por isso.

Essa é de 2014 quando um tatuador americano aproveitou que seu pet estava anestesiado depois de um procedimento veterinário e tatuou um coração no ombro do animal.

Claro que não satisfeito, o tatuador Mistah Metro publicou no Instagram:

“Um dos muitos motivos pro meu cachorro ser mais legal que o seu: Ela teve seu baço removido hoje e o veterinário me deixou tatuar ela enquanto estava sedada”

Este americano tatuou seus pitbulls enquanto estavam sedados

Depois do procedimento de corte das orelhas dos animais ele tatuou suas barrigas para “Prevenir que algo acontecesse aos cães”.

Não são apenas os animais domésticos que já passaram pelas agulhas de tatuadores, PORCOS já foram tatuados.

Creation: The unusual mixture of tattoos includes Disney princesses, patterns found on Russian prison inmates and even a Louis Vuitton logo

Apesar de muita gente por aí achar que pode fazer tatuagens em animais domésticos, teve um cara que tatuou porcos.

Um artista belga no final dos anos 90 iniciou a prática de tatuar porcos vivos, movendo-se depois para a China para manter o que ele chama de “Obra” pois as leis de proteção aos animais na China são mais brandas.

'Spoiled': Belgiam artist Wim Delvoye moved to China in 2004 and set up an art farm tattooing his creations onto living pigs

A prática segue o mesmo método dos outros casos, os porcos eram sedados e então tatuados. Princesas Disney e o logo da Louis Vuitton foram alguns dos temas escolhidos para estampar as peles dos Suínos.

Posteriormente compradores para as peles dos animais surgiram e as negociações giraram em torno de £50.000,00.

Backside: The skin of a pig in China is tattooed with Disney characters Princess Jasmine from Aladdin and Ariel from The Little Mermaid

A loucura está por toda a parte. Para quem leu tudo até aqui meu agradecimento e meu pedido: Não faça tatuagens em animais domésticos, bebês nem pessoas desmaiadas. A tatuagem é uma questão de consciência e decisão pessoal, feita para nós humanos adultos.

(Visited 17 times, 1 visits today)

LEIA TAMBEM

Deixe uma resposta