Gregorio Marangoni e 65 tatuagens de pontilhismo

Gregorio Marangoni é um paranaense, erradicado em São Paulo que vem chamando a atenção devido à sua especialidade no mundo da tatuagem: Pontilhismo Tattoo.

Designer de formação, Marangoni compartilha o apartamento em que trabalha com o também designer João Lavieri –eles trabalharam juntos no coletivo de artistas Colletivo– e com o ilustrador João Ruas. O prédio, misto de residencial e comercial, tem uma vizinhança improvável: os artistas dividem paredes com o consulado do Panamá na cidade.

Quando mudou-se para São Paulo, Marangoni dividia o tempo entre trabalhos de design e tatuagem, hobby que virou sua única profissão há pouco menos de dois anos, em novembro de 2011.

Tatuador

Destaque em pouco tempo entre as agulhas paulistanas, Marangoni desconversa sobre sua fama e diz que gosta de coisas que sempre gostou. As três palavras que tem tatuadas em seu corpo são exemplo disso –“Carol” no braço esquerdo, “suerte” no pulso esquerdo e “feijoada” nos dedos dos pés. “Ainda estou aprendendo muita coisa.”

Para completar, vale ver uma matéria em vídeo onde Gregorio Marangoni fala mais um pouco sobre seu trabalho e suas visões artísticas e logo em sequencia vamos conferir 65 tatuagens feitas pelo mestre brasileiro do pontilhismo:

2

4

6

7

9

11

13

16

17

19

20

22

23

25

27

28

29

30

32

34

35

36

37

39

41

42

43

46

48

49

51

52

55

56

57

58

59

60

61

62

64

65

67

68

71

72

73

74

75

76

77

78

79

80

81

82

83

85

86

88

89

93

94

95

97

Um Comentário

  • Vitor Zelizi

    14/07/2013

    Engraçado,vou usar ele como referencia em estudos de desenhos… espero que um dia possa estar fazendo o mesmo trabalho que ele, e quem sabe um dia estar agradecendo uma das minhas referencias.

    Reply

Deixe uma resposta